O Ibope Nielsen Online fez uma pesquisa e constatou que, atualmente, os brasileiros são os usuários que ficam mais tempo no Twitter, chegando a gastar 56 minutos por mês no serviço do microblog. Os americanos, que somam um total de quase 19 milhões de usuários (ante os 8,7 milhões de brasileiros), passam até 31 minutos por mês no Twitter.

Se a notícia é boa ou não, fica difícil saber. Mas o que se sabe é que o motivo para atrair tantos internautas em tão pouco tempo (um aumento de 58 vezes em apenas nove meses) a uma rede social está mais que óbvio: graças às celebridades, às fofocas que o microblog tem rendido assunto e, principalmente, o excessivo culto de personalidade que faz com que os famosos sejam motivo de reverência para os fãs e valiosas fontes de renda para a imprensa sensacionalista. Foi através desta ferramenta que Danilo Gentili fez uma declaração preconceituosa e Sasha provou que tem dificuldades com a língua portuguesa, só para citar alguns exemplos.

Os mais seguidos (@huckluciano, @manomenezes e @rafinhabastos), obviamente, justificam o gosto do brasileiro pelos assuntos que estão acerca das celebridades.

Entretanto, o Twitter pode ser uma ferramenta muito útil. Só depende de quem o internauta segue. Para quem gosta de se informar, por exemplo, basta seguir os principais jornais do mundo e profissionais da qual têm afinidade para montar seu próprio ambiente de notícias. A própria imprensa viu no Twitter uma ferramenta absolutamente vantajosa, porque encontra um ambiente em que pode entrar em contato com o leitor/espectador, informá-lo e angariar novos seguidores promovendo algum tipo de sorteio ou promoção.

O Irã, por exemplo, que teve uma suspeita de fraude nas eleições deste ano, serve como grande exemplo da importância da ferramenta e do poder da notícia em tempo real. Já que nem todos podiam ir às ruas para protestar, muitos escancararam ao mundo a onda de repressão que havia tomado conta do país e, com um aglomerado de 140 caracteres, sensibilizaram os internautas. Mais do que uma grande invenção, o Twitter está se transofrmando em uma verdadeira tendência.

Biz Stone, um dos criadores do Twitter, quer lançar um serviço pago para as empresas terem um relacionamento mais frutífero com seus seguidores. As celebridades, motivo principal dos brasileiros aderirem ao microblog, com certeza vão se jogar nessa onda para ganhar um 'extra'.

Aliás, o brasileiro alimenta isso mesmo.

Pelo menos é o que dá a entender.


Compartilhe este Post:
MySpace Agregar a Technorati Agregar a Google Agregar a Yahoo! Adicionar ao Blogblogs

2 Atemporalizados:

Gustavo Santiago disse...

O twitter é a nova sensação do natal!!
Belo texto camarada. vc escreve muito bem... esse dom não é para muitos, tipo @Sasha. hahaha
Será que a Xuxa vai me processar por este comentário?
abração

Tiago Ferreira da Silva disse...

Relaxa, Gustavo.

Acho muito difícil a Xuxa vir parar nesta página. Quanto à Sasha, dve agradecer a ferramenta de corretor ortográfico do Google. Senão, estaria na roça, hauhauha!!!!

Abraço, irmão!!!

Related Posts with Thumbnails